The Rise and Fall of Belinha

Os maias eram uns troxas mesmo. Não bastando terem sido exterminados pelos espanhóis – pelo amor de deus, quem é que é exterminado pelos espanhóis? -, ainda erraram naquela história do fim do mundo. 2012 não foi o ano do fim do mundo: foi apenas o ano do começo do fim. E digo isso com ciência, pois sou eu que acolho, alimento e dou um lar ao monstro que nos exterminará de tal maneira que nem Goku conseguirá evitar o óbito da humanidade.

o cãoçador de almas

Te falar – eu não gosto de cães. Eles babam, correm, mijam, cagam e babam um pouco mais. Eles são tão interessantes quanto um idoso em coma com o intestino desregulado. Mas este cão, largando mão de táticas negras de hipnose e fofura angariou um certo carinho e afeto deste que vos escreve tão imparcialmente.

O que pega é que, em decorrência do total desleixo que eu sempre tive com essas criaturas, nunca tive a menor ideia do que era conviver com um além de limpar merda e mijo. E, te falar, começo a crer que preferia continuar assim. Vejamos, basicamente, o que meu  cão faz:

1 – Caga e mija

Nesse ponto eu estava certo. Meu deus do céu, a criatura solta mais merda pela bunda do que eu consigo soltar em palavras num texto falando sobre química. A besta fera tem sua casinha e banheiro na varanda, mas, por algum motivo, ela decide só soltar os bagulhos pra fora quando entra em casa. E não é no chão, ou no corredor – é no tapete. E naquele tapete bem peludo, praquelas bolotas de puro prazer sexual grudar e dar bastante trabalho. Não bastando a defecação sólida, a criatura ainda mira de mijar nos locais mais ALGUÉM VAI PISAR AQUI E NÃO VAI PERCEBER.

Cês sabem o que é pisar no mijo e só perceber depois que metade do cômodo ta com pegadas amarelas? Ou melhor – pisar no mijo e NÃO PERCEBER até que alguém fale CARALHO, GUILHERME, TU SUJOU A CASA INTEIRA.

“então foi você que pisou no meu mijo?”

2 – Lambe

De onde sai tanta saliva? Sério, de. Onde. Sai. Tanta. Saliva. A criatura lambe o chão, lambe os pés, lambe a si mesma, lambe até a própria merda. Ela tem medo de insetos vivos, mas não hesita em lamber os insetos mortos. Meus pais, inclusive, aderiram à técnica de JOGAR O CÃO NA MINHA CABEÇA quando eles querem que eu acorde – a criatura vai me lamber tanto que eu terei que levantar direto pro chuveiro.

A monstra lambe tanto, mas tanto, que eu preciso estar o tempo inteiro sentado com os pés apoiados em algum lugar bem alto, se não ela lamberá minha perna até os pelinhos grudarem e eu ter que tomar outro banho. E, como os senhores bem sabem, tomar banho é uma atividade de alta periculosidade e que não deve ser efetuada com tanta frequência assim.

o cérberus aderindo à causa da Revolta Armada junto com o Majin Boo (evidentemente, já estabelecendo contatos para o colapso mundial)

3 – Chulé

Não, meu cachorro não tem chulé. Pelo contrário – é o bicho mais cheiroso que estas terras tupiniquins já viram. Cacete, que cão cheiroso. Sério mesmo, é mais cheiroso que minhas ex namoradas. Dá vontade de cheirar o dia inteiro. O que é paradoxal, uma vez que o divertimento favorito do monstro é lamber e cheirar meias sujas e tênis recém usados. Meias limpas não tem graça. Tem que ser suja. E, quanto mais fedida, maior o tempo e a intensidade da diversão.

Não sei se isso é uma mania de todos os cãos, mas, cacete, isso é muito estranho. Voltei de um futebolzin com os amigos e a criatura CAGOU dentro do meu tênis de TANTA alegria em sentir o odor da masculinidade que se esvai de meus pézinhos.

Besta assassina em êxtase depois de umas cafungadas

E o pior de tudo, senhores, é que esse diabo desse cão é um amor. Cacete, que criatura adorável. O dia em que minha mãe a levou no pet shop para tosar, o bicho ficou o dia inteiro triste, e eu fiquei igual a uma criança com atraso mental tentando alegrá-la. Imaginem como o coração não ficou partido quando bateu uma chuvarada com trovões e ela ficou apavorada?

Cacete, não poderei jamais ter um filho. Vai que eu começo a… ó céus, gostar de crianças?

Espero que eu seja poupado da matança que ela executará quando tiver mais de 10cm.

(Caralho, eu realmente desaprendi a escrever nessa porra desse blog, ein?)

Anúncios

9 Responses to “The Rise and Fall of Belinha”


  1. 1 Ana Carolina F. 13/03/2013 às 4:56 am

    HAHAHAAAHHAHAH muito bom!!

  2. 2 Rafa Longuini 13/03/2013 às 6:15 am

    Overdose de “Cacete,” no final do texto oõ
    Mas essa besta fera é, sem dúvidas, ridiculamente fofinha *-*

  3. 3 Rocha 13/03/2013 às 9:17 am

    Mudou um pouco o jeito de escrever mas Deborah Gago vai fazer você voltar hahahaha :v boa sorte com o “bullen” almeids

  4. 4 Carol 14/03/2013 às 3:16 pm

    Parece uma galinha esse cão ushdauuashsua

  5. 5 Sara 16/03/2013 às 12:23 am

    Ela já é a dona da casa? Quando ganhei minha york minha mãe falava que não ia passar da varanda. Agora é o dia inteiro passando de cama em cama. hahaha

  6. 6 carol 16/03/2013 às 3:17 am

    q coisa mais lindaaaa

  7. 7 Gabs 19/03/2013 às 1:30 am

    “Espero que eu seja poupado da matança que ela executará quando tiver mais de 10cm.” todos esperamos, meids

  8. 8 Thereza F. 20/03/2013 às 12:36 pm

    Pelo menos ela vai ficar pequena. Meu pai decidiu comprar um labrador (Thor *-*) e, quando ele era filhote, era a coisinha mais fofinha. Cabia num tênis meu e tudo.
    Hoje ele virou um dinossauro que destrói simplesmente tudo que vê pela frente. Se ele conseguir pegar uma roupa sua, adeus: nunca mais ela será achada inteira. Isso vale pra camisas, calças, vestidos, sutiãs, meias e, basicamente, qualquer coisa que ele consiga por a boca.
    E ele ainda é carente. Ele não pode ver ninguém dando atenção pro Apollo (nosso outro cachorro ?), que ele vem correndo igual a um trem desenfreado, joga o Apollo no chão e pula em cima da pessoa.
    Ele é um amor.

  9. 9 Leticia 31/03/2013 às 3:34 am

    Aaaaah, não desaprendeu MESMO! Tá ótimo, ri muito! haha mostrei pra minha mãe e ela adorou. E aceite, não tem como não gostar de uma criaturinha dessas. :3


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Atualmente:

Música: Canção da Noite
Banda: Fresno
Livro: Sherlock Holmes
Série:
How I Met Your Mother

Destaques

Um rolê em Madureira: 918 e 919 nunca tiveram uma diferença tão grande na minha vida. Essa diferença somado com a insano desejo do destino de me foder, causou uma peripécia de tremer as cuecas.

Ensino Médio deturpando sonhos:

Apesar do Ensino Médio ser repleto de conhecimentos babacas os quais nunca terão a menor utilidade em nossas vidas, ele pode desmentir algumas informações as quais fizeram você acreditar ser verdade por toda sua vida.

Adão era digno de respeito: Além de não precisar usar cuecas e dar a primeira bimbada da história, Adão ainda não precisa viver momentos constrangedores pelo fato de existir outras pessoas no mundo. Porque falamos tanto de Jesus tendo um herói bíblico desses?



Para ler mais dos textos menos piores do blog, clique aqui.

RSS Twitter

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Gostou de um texto?

Mande para o Uêba

Ou pro LinkLog

Ou pro Ocioso.

  • 652,648 visitas

%d blogueiros gostam disto: