Let the sunshine… Let the sunshine in!

Meus caros comparsas de crime, venho por meio deste textículo vos avisar que ficarei um tempo sem postar. Vocês sabem como é a semana de provas. E vocês sabem como é o terceiro ano. Agora tentem imaginar uma semana de provas no terceiro ano – tô começando a entender por que a China tem um número de mortalidade tão grande entre os vestibulandos. Terei uma prova por dia, durante duas semanas. Nos sábados terei pré-vestibular, e no domingo estudarei para a prova da segunda. A vida nunca pareceu tão sem graça, e olha que num mundo onde existe A Praça é Nossa e Zorra Total isso é bem difícil.

****

Há 3 anos, meu excelentíssimo amigo Raphael chegou para mim e mandou eu baixar um filme chamado Hair. O menino dizia que eu ia gostar, por que tem a temática hippie, contracultura e tal – depois vocês não entendem por que chamo este jovem de melhor amigo. Googlei pela joça e o único local em que eu achei pra baixar era um site cujo nome era “Download de Filmes Cult”. Instantaneamente fechei a parada. Uma pessoa que assiste American Pie não pode baixar algo de um site com este nome, se é que vocês me entendem.

Não sou eu que faço as regras, elas simplesmente existem.

Mas aí eu decidi dar uma youtubada na parada e fui direcionado pra isso aqui (cliquem no link, o youtuber maldito não permite incorporação).

PUTA QUE PARIU, me convenceu. Uma música que dizia que o cabelo deveria crescer até o pé definitivamente merecia o meu respeito. É tudo o que eu sempre acreditei traduzido para um hino cantado por hippies. Eu necessitava ver esse filme, mesmo que isso transgredisse as regras quanto aos filmes Cults.

O filme conta a história de um cowboy que é convocado para a guerra do Vietnam e, quando ele chega em Nova York para se alistar, acaba encontrando um grupo de hippies e os acompanha por um fim de semana regado de drogas, sexo e loucuras do melhor estilo hippie possível.

Eu que sempre fui apaixonado pela contracultura, Woodstock e anos 70 simplesmente tive orgasmos quando assisti o filme. Sempre li vários livros e histórias sobre o assunto, mas nunca tinha visto um filme que abordasse a temática diretamente. Era simplesmente perfeito, manos. Perfeito. Do início ao fim, sem tirar nem por. As músicas, os personagens, a história e, principalmente, a ideologia.

As milhares de mensagens subliminares e menções a acontecimentos da época só me fizeram estudar mais ainda sobre o movimento e o filme. Foi então que descobri que o filme era baseado em um musical da Broadway e imaginei o quão lindo seria ver esse musical. Quase que anualmente a Broadway faz uma remontagem, na Europa também há algumas e, no Brasil, só houve uma na década de 60. Um dos meus objetivos de vida era viajar para uzEUA e assistir a essa peça, no mínimo, umas 10 vezes.

Não foi necessário.

Em 2010, passeando pelos metrôs da zona norte carioca, me deparei com isto:

PUT A KEEP ARE YOU

Pulei feito uma menininha de 13 anos tendo o primeiro orgasmo durante, no mínimo, 27 minutos. Enchi o saco do meu irmão durante um mês para que ele comprasse o ingresso e me levasse, e como ele também tava interessado, o fez sem pestanejar. Eu só enchi o saco durante um mês por que, PORRA EU QUERIA DEMAIS ISSO e não poderia haver a menor possibilidade de ele dar pra trás.

Dois renomados diretores cariocas viram a peça na Broadway e decidiram fazer uma remontagem brasileira.  Eles simplesmente fizeram tudo aquilo que eu sempre sonhei em fazer. E ainda colocaram em cartaz num teatro no Leblon – minha futura casa, quando eu me tornar milionário.

A primeira vez que eu assisti à parada eu saí de lá drogado. Não conseguia formular frases de tão impressionado que eu tava. É. A. Coisa. Mais. Linda. Desse. Mundo.

Você acha que a experiência da vida de uma pessoa é ter um filho? É se casar com a pessoa que ama? É assistir a um show da Madonna no maracanã? Você está errado, amigo.

A maior experiência da vida de uma pessoa é assistir a este musical.

Eu saí de lá tão extasiado que precisava ir de novo. Como meu irmão não iria gostar muito da ideia de ter que pagar outro ingresso e perder outra noite de sono, convenci meus pais a irem comigo. Manos, pra vocês terem uma ideia, a última coisa do tipo que meus pais fizeram foi em 2008, quando nós fomos assistir Iron Man 1 no cinema. Desde então, ELES SIMPLESMENTE NÃO FAZIAM NADA. Nunca saem de casa para fazer qualquer coisa que não seja ir ao mercado ou almoçar.

Imaginem o quão difícil deve ter sido convencer pessoas tão divertidas e aventureiras a irem em um musical hippie.

Mas era o início da era de Aquário, e eu consegui. Depois de muito insistir, consegui. E também consegui convencer meu irmão de ir conosco! Vou largar essa carreira de publicidade e fazer direito, pois claramente sou ótimo com persuasão.

No dia da peça chegamos um pouco mais cedo para jantar no Shopping Leblon e EPA PERAÍ, AQUELES ALI NÃO SÃO OS ATORES???

Alguns dos atores estavam jantando no mesmo restaurante que eu, na mesa ao lado, e minha câmera estava no meu bolso, quase pulando de vontade de ser usada, mas meu irmão me convenceu de que “eles são atores normais e desconhecidos, pessoas tal como qualquer outro zé ruela deste shopping”, então eu não pedi para ir tirar uma foto. Meu irmão é um grandissíssimo sem graça, por que é que eu fui chamá-lo mesmo, hein?

OBS.: Alguém aí mora no Leblon? Puta que pariu, só tem menina LINDA no Leblon. Preciso ficar milionário o mais rápido possível.

Na segunda vez a peça foi ainda mais linda. É simplesmente perfeita, muito mais do que o filme – e olha que o filme já foi a maior experiência cinematográfica que eu já tive.

Amigos, não vou falar sobre a história por que estou INTIMANDO a todos que moram no RJ a irem até o teatro ver essa peça. Se você mora em outro estado e há a MÍSERA possibilidade de vir ao Rio de Janeiro, VÁ ASSISTIR A ESTA PEÇA. Se não, vejam o filme, manos. Acreditam em mim, eu nunca menti para vocês. Ok, menti sim, mas acreditem em mim pois desta vez não estou mentindo.

As pessoas que seguiram meu conselho e foram ver a peça saíram de lá extasiadas, tal como eu.

Você sai de lá querendo abraçar as pessoas, espalhar o amor, ser uma pessoa livre, amorosa. Essa história muda a vida das pessoas de um jeitotão absurdo que acredito que deveria ser OBRIGATÓRIO a todos os seres humanos assistirem-na. Mas prestem atenção, por que quem assiste sem atenção acaba achando que é só mais uma história sobre a Guerra no Vietnam.

Infelizmente não há a possibilidade de eu ir de novo, mas aviso outra vez – quem tem a possibilidade, deveria ir.

*****

Vocês tem comentado muito pouco ultimamente e estou ficando deveras chateado com isso. Se isso continuar, esquecerei todo esse papo de hippie e terei de tomar uma atitude de cruel com vocês.

Anúncios

48 Responses to “Let the sunshine… Let the sunshine in!”


  1. 1 feeh 16/03/2011 às 8:32 pm

    primeira, primeira :B

  2. 3 Bruna 16/03/2011 às 8:33 pm

    first? *-*

  3. 4 @taaisouza 16/03/2011 às 8:35 pm

    E eu que não sou do rio, faço o que?

  4. 5 raqueeel 16/03/2011 às 8:38 pm

    nooooooooossa, verei. você me convenceu *-*

  5. 6 Yasmin 16/03/2011 às 8:38 pm

    me convenceu a assistir, é

  6. 7 @monicagenerini 16/03/2011 às 8:40 pm

    “Você sai de lá querendo abraçar as pessoas, espalhar o amor, ser uma pessoa livre, amorosa. Essa história muda a vida das pessoas de um jeitotão absurdo que acredito que deveria ser OBRIGATÓRIO a todos os seres humanos assistirem-na.”
    acabou de descrever como me senti ao final da peça! tudo o que você disse é a mais pura verdade e, como vc, recomendo a todos dar um pulinho no teatro. teatro já é bom normalmente, mas com esse musical então…

  7. 8 helenacout 16/03/2011 às 8:50 pm

    Você tava falando tanto dessa peça que eu fui ver Almeida. Convenci minha mãe e a gente foi no último domingo. Nuuuooooooooossa, é a melhor peça que já vi! Saí de lá exatamente como você disse: extasiada! Eles conseguem passar todo o ideal hippie para nós. E que saco o seu irmão! Se acontecesse comigo eu ia ter tentato tirar uma foto com os atores também, dane-se se eles não são tão famosos. São talentosos o bastante para a minha admiração (: que restaurante você encontrou com eles? Hahaha
    Agora, falei tanto da peça pros meus amigos que convenci dois a irem, e eu vou com eles de novo :DDD
    Hahahahaha
    Post maravilhoso!

  8. 9 amanda 16/03/2011 às 9:35 pm

    você não é apaixonado pela letícia colin ? haha , ela está atuando , certo ?

  9. 10 carol guerch 16/03/2011 às 9:51 pm

    meids ta carente de comentários ):

    é preguiça, ainda te adoramos (;

  10. 11 Mary 16/03/2011 às 10:01 pm

    Eu assisti o filme umas trocentas vezes, simplesmente o amo *-*

  11. 12 almeidaputa *-* 16/03/2011 às 10:07 pm

    odeio esse filme bgs ;*

  12. 13 Gabriela 16/03/2011 às 10:16 pm

    Sem chances de ir po Rio assistir a peça, mas vou baixar o filme. 😀

  13. 14 @xkiiwi 16/03/2011 às 10:33 pm

    ver o filme, é o que me resta.

  14. 15 Cii 16/03/2011 às 10:40 pm

    S-O-F-R-Í;

  15. 16 @ericaiscoollike 16/03/2011 às 10:42 pm

    HEHE, OLHA CONTINUAM COMENTANDO PRA LER DEPOIS VIU
    AINDA QUERO SABER A FELICIDADE

  16. 17 @ericaiscoollike 16/03/2011 às 10:44 pm

    Hair é muito foda, nossa.
    Nunca vi o musical, mas já assisti o filme. É MUITO FODA GOSH
    Eu queria ver o musical )): aaaaint

  17. 18 Aline 16/03/2011 às 10:54 pm

    Ok. Me convenceu a assistir. E boa sorte nas provas, de coração!

  18. 19 Tali 16/03/2011 às 11:17 pm

    É.. ir ao Rio não vai rolar…
    O jeito vai ser procurar o filme =)

  19. 20 @usernameidiota 16/03/2011 às 11:44 pm

    Vou ver só porque é musical.
    As pessoas podem não comentar e leram, eu sei uns 10 blogs e só comento no seu (sou linda).

  20. 21 @usernameidiota 16/03/2011 às 11:46 pm

    Eu leio**

  21. 22 Júlia Galdino 17/03/2011 às 1:03 am

    teve uma peça no meu colegio a algum tempo atrás e eu tive a oportunidade de ATUAR EM UMA CENA da peça ( ou só participar dos ensaios pq n teve a peça no final mas whatever) que era parte de HAIR. HEHEHE confeço que hair n me abalou tanto como a vc kkkk

  22. 23 Gabi Moscardini 17/03/2011 às 1:14 am

    quando eu vi o filme a primeira vez confesso que meu deu vontade de usar LSD e seguir a doutrina Hare Krishna, não juuuulgem!

  23. 24 @FhaSBS 17/03/2011 às 1:35 am

    Eu S-E-M-P-R-E comento ok ?
    Eu seei de vários blogs e os acesso todos os dias, mas só o seu merece a minha palavra pregada aqui @:

  24. 25 yasmin 17/03/2011 às 5:49 am

    ja tenho uma vontade do cacete de usar LSD, quero ver se eu assistir isso aí.

  25. 26 Thereza F. 17/03/2011 às 3:38 pm

    Oh Meids, eu sempre quis ver Hair *-*’ Adoro Woodstock, hippies, Hare Krishna e afins – definitivamente nasci na década errada -, mas nunca tive a oportunidade ou a paciência para baixar. Mas agora que você falou tanto e tão bem da peça – e também porque não tem a MÍNIMA chance de eu ir para o Rio assistir -, vou ver se acho para baixar aqui, o que provavelmente vai levar um tempo já que minha internet é mais lenta do que lesma tetraplégica.
    Boa sorte nas provas, Gui. Sei que você vai conseguir (:

  26. 27 Iara 17/03/2011 às 8:33 pm

    Ok eu comento so por que fiquei com medinho… XD

    Mas vou ver se consigo que a carroça do Meu PC baixe o filme…
    bjos

  27. 28 Ingrid 17/03/2011 às 11:36 pm

    A morena com o cabelão ali em cima, é a Karen do Rouge! Hahahahaha. 🙂

  28. 29 Thais 17/03/2011 às 11:40 pm

    O grupo de teatro do meu colégio já fez uma montagem dessa peça. Eu achei bem legal (:

  29. 30 hana 17/03/2011 às 11:45 pm

    primeira coisa que pensei quando passei pelo Rio: ALMEIDAAAAAA hahahah

  30. 31 kdminhaovelha 17/03/2011 às 11:55 pm

    já tenho vontade de abrçar as pessoas all the time rerere mas vou confiar no teu gosto e assistir saparada

  31. 32 ana 18/03/2011 às 12:58 am

    nem tem como ir ver :/

  32. 33 Renata D'Leon 18/03/2011 às 5:45 pm

    aaaaah, eu sou do rio, agora que você falou to louca pra ir! tá em cartaz até quando? aaah, to curiosa pra saber se é bom mesmo *-*

  33. 34 Camila 18/03/2011 às 6:23 pm

    Rio de Janeiro fica putamente longe daqui e não to afim de ver o filme rs.

  34. 35 @fufuck_ 19/03/2011 às 1:19 am

    deu vontade ver o filme, meids.

  35. 36 Kaique 19/03/2011 às 10:48 am

    fiquei interessado no musical : )

  36. 37 Sami 19/03/2011 às 8:19 pm

    Terceirão, semana de provas.. sei bem como é :T

  37. 38 Elena 19/03/2011 às 8:36 pm

    *Vietnã

  38. 39 Elena 19/03/2011 às 8:37 pm

    Você escreveu Vietnam, rs. Enfim, por que não tirou foto com eles? Almeida, você tem problema.

  39. 40 Jude 20/03/2011 às 6:09 am

    Você sabe até quando a peça vai ficar em cartaz?

  40. 41 fmattosa 21/03/2011 às 9:01 pm

    AHSHSHSHSSHSHSHSHSHSHSHSHS. aaah nem tem MINIMA possibilidade de eu ir ver a peça, mas verei o filme *0*
    sempre te achei com um jeitinho, não de falar ou coisa e tal, mas seu rosto, meio estilo hippie, sérinho sérinho.
    Mas enfim né, ótimo post Almeida, e eu comento sempre e sempre, runf runf u-u

  41. 42 fmattosa 21/03/2011 às 9:07 pm

    E é verdade, a Leticia Colin está atuando.
    E tipo, de “atores famosos” já vi uns tres ou mais, avisa isso pro seu irmão, tem ela, tem aquela ex-Rouge, Karin Hils.
    Tem também outros dois ou três que não me são estranhos, hm.

  42. 43 Carolina 22/03/2011 às 12:52 am

    Almeidinha, vai na comu do Paul, parece que foi confirmado show aqui no Brasil em maio, detalhe: NO RIOO todo mundo na sua casa, beijos.

  43. 44 Débora 22/03/2011 às 1:08 am

    Nossa, você me deixou com muita vontade de ver esse filme/musical! Eu moro em Sampa, e aqui não está passando o musical, to triste agora, preciso achar o filme pra baixar ): Adoro seguir teus conselhos, você tem um ótimo gosto, e concordo com você, MILONGA É A MELHOR MÚSICA EVER ❤
    Não pare de postar aqui, por favor :c
    Beijoss

  44. 45 @leek4 23/03/2011 às 5:37 pm

    não sou do Rio 😦
    mas quando tiver a oportunidade, certeza que verei pelo menos o filme.
    adooro a temática hippie, paz e amor e talz *-*
    vc me surpreendeu, haha

    aaah, tenho duas semanas de prova com duas provas por dia. ganhei, há .-.

  45. 46 Marcela 26/03/2011 às 8:41 pm

    Esse filme é maravilhoso, se eu morasse no Rio iria todos os dias
    ~Inveja

  46. 47 Shasta 27/02/2014 às 11:15 pm

    Expenses can be cut dramatically when doing a homemade
    dog food. Hope you could get some insight nto the different breeds
    of dogs. What are the differences between a submissive dog and a dominant
    dog.

  47. 48 Renzo 04/04/2014 às 11:57 am

    What i don’t realize is in riealty how you’re now not actually much more well-favored than you may be now. You are so intelligent. You already know therefore considerably in the case of this matter, made me for my part consider it from a lot of various angles. Its like women and men don’t seem to be fascinated until it’s one thing to accomplish with Lady gaga! Your own stuffs outstanding. Always maintain it up!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Atualmente:

Música: Canção da Noite
Banda: Fresno
Livro: Sherlock Holmes
Série:
How I Met Your Mother

Destaques

Um rolê em Madureira: 918 e 919 nunca tiveram uma diferença tão grande na minha vida. Essa diferença somado com a insano desejo do destino de me foder, causou uma peripécia de tremer as cuecas.

Ensino Médio deturpando sonhos:

Apesar do Ensino Médio ser repleto de conhecimentos babacas os quais nunca terão a menor utilidade em nossas vidas, ele pode desmentir algumas informações as quais fizeram você acreditar ser verdade por toda sua vida.

Adão era digno de respeito: Além de não precisar usar cuecas e dar a primeira bimbada da história, Adão ainda não precisa viver momentos constrangedores pelo fato de existir outras pessoas no mundo. Porque falamos tanto de Jesus tendo um herói bíblico desses?



Para ler mais dos textos menos piores do blog, clique aqui.

RSS Twitter

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Gostou de um texto?

Mande para o Uêba

Ou pro LinkLog

Ou pro Ocioso.

  • 652,712 visitas

%d blogueiros gostam disto: