Dio Salve a La Reina

Vou começar esse texto deixando uma imagem pra vocês refletirem.

Contarei para os meus netos que esse é o verdadeiro Freddie Mercury, e espero que eles sejam ruins de conta o suficiente para não perceberem que o Freddie morreu antes deu nascer. Agora, me digam, o que há de errado nessa foto?

(não, não é o rosto do meu irmão pintado. Fiz isso por que ele me proibiu de postar fotos dele aqui. Há algo de muito errado nessa foto. Ganha um doce quem descobrir.)

Meu irmão chegou com uma história doida de uma tal ‘banda COVER’ do Queen que ia tocar no Vivo Rio, e eu até me interessei em ir, mas logo desisti quando senti o ar que emanava da minha carteira – ela simplesmente tava vazia. Desde que recebi meu primeiro cheque do Google Adsense, meus pais pararam de me dar as coisas de mão beijada e, ou querem “dividir as despesas”, ou eu as pago inteiras. Isso tem causado uma crise financeira de proporções americanas no meu cofrinho.

De início, meu irmão não ligou muito se eu ia ou não pro show, mas quando ele descobriu que TODOS os amigos haviam furado com ele, me obrigou a ir para fazer companhia a ele de um jeito ou de outro. E eu fiz, né. Sou um bom irmão.

Primeira decepção – o valor do ingresso aumentou uns 2 dias antes do show.
Segunda decepção – o show seria na madrugada antes da minha primeira prova.
Terceira decepção – os caras eram argentinos, e a argentina havia ganho do Brasil por um gol tosquíssimo nos 46 minutos do 2º tempo.
Quarta decepção – o público teria de ficar sentado em mesas.

Amigos, assistir um show sentadinho numa mesa enquanto bebe guaraná é coisa de gente que gostaria de ter a perna da mesa penetrando seu ânus. Nenhum macho que se preze paga duzentos e poucos reais para assistir um show SENTADO. Um DVD do Queen tá 20-e-pouco, e é praticamente a mesma coisa, só que com o Freddie verdadeiro. É tão gay quanto fazer xixi sentado.

Esse show estava me dando mais decepções do que se todas as minhas ex namoradas, juntas, começassem a fazer uma suruba lésbica e simplesmente cometessem a audácia de não me chamar.

Os caras entraram no palco uns 20 minutos atrasados e já começaram com um CLÁSSICO – One Vision. O Queen é aquele tipo de banda que eu reconheço a epicidade, sei que é foda e uma das melhores bandas de todos os tempos, mas simplesmente não sinto muito interesse em ouvi-la.

NANANAN PAPAPA LALALARLA ONE VISION – VISION – VISION
LARARARAR PAPAPAPA ONE VISIOOOOOOOOOOOOOOOOOON

Esse era eu.

E o pior de tudo – O PÚBLICO ERA O PIOR PÚBLICO DE TODOS OS PÚBLICOS DA HISTÓRIA DOS PÚBLICOS.

Além de estar extremamente vazio, os filhos dumas putas não cantavam, não batiam palmas e NÃO LEVANTARAM SUAS BUNDAS GORDAS E DOLORIDAS DA NOITE ANTERIOR um único instante.

Eu, que não era tão fã, que havia pago uma meia-entrada pra pista normal e nem a porra da letra da música sabia, tava me esforçando pra tentar animar o pessoal.

O Vivo Rio tem o mesmo design de qualquer casa de show grande. Então, imagine aí que eu tava NA ÚLTIMA fileira  da pista normal. Um cego tava enxergando melhor do que eu.

Na pista VIP, um monte de retardado sentado e várias mesas vazias. Eu e meu irmão não hesitamos em, surrupiamente, penetrarmos na pista vip e, na maior cara-de-pau possível,  sentarmos na pista VIP.

Foi aí que vimos duas jovas extremamente bêbadas que dançavam do modo clássico que pessoas extremamente bêbadas dançam – cambaleando, levantando a camisa e levantando uma latinha de Itaipava.

Como nós 4 – eu, meu irmão e as jovas – éramos as únicas pessoas que estavam em pé e cantando naquele salão, rapidamente notamos uns aos outros. Elas nos chamaram pra ficar perto delas, nos pagaram cervejas e começaram a dançar na nossas frentes!

E, tipo, a menos que você goste de assistir a show sentado (o que é coisa de gay, como já disse), você perceberia o quão foda é ter duas minas bebassas e gatas dançando na sua frente e te pagando cervejas.

Meu irmão, até então, se recusara a me dar uma gota de álcool sequer, para minha mãe não ficar enchendo o saco mais tarde. Mas quando foi a menina que ofereceu, ele ficou de braços atados – o destino falara mais alto e a cerveja estuprou meu fígado por vontade própria.

Com o tempo, contagiamos as pessoas ao nosso redor. Começamos a puxar os casais mais alegrinhos, a dançar e a bater palmas. Só que nosso “contagiamento” foi meio devagar e, no final das contas, só conseguimos fazer umas 10 pessoas levantarem com a gente. Foi o suficiente pros caras da banda notarem e cantarem praticamente todas as músicas olhando para nós.

Foi aí que começou.

Como é POSSÍVEL você ouvir We Are The Champions e simplesmente NÃO LEVANTAR A BUNDA GORDA da porra da cadeira pra cantar junto, mexer os braços de um lado pro outro, acender um isqueiro ou qualquer outra coisa que um público com o mínimo de noção faria?

Depois dessa, veio We Will Rock You.

Como é POSSÍVEL você ouvir We Will Rock You e NÃO BATER PALMA???

NÃO – É – POSSÍVEL

Mesmo ouvindo em casa, na sua caixinha de som de merda do teu computador da Xuxa, você batuca na mesa ao ouvir essa música. Fiquei com um ódio mortal daquele público, tal como todas as 8 pessoas que estavam bêbadas pulando junto comigo e meu irmão, então nós começamos a cantar o mais alto possível – o que fez o gordo atrás da gente RECLAMAR.

“Ei, sentem aí, parem de fazer barulho”.

Manos. MANOS. Nem conto o que aconteceu com o gordinho.

Depois do show, todo o público sumiu em questão de instantes e, em menos de 10 minutos, o Vivo Rio tava às moscas. Deprimente. Formou-se uma fila de menos de 20 pessoas na porta do camarim, e por algum motivo homosexual que me falha à lembrança, meu irmão pediu para irmos lá. Aliás, nessa fila nos conhecemos um moleque do ACRE (sim, o moleque existe), que ganhou os ingressos para o show depois de ter ganho um concurso nacional de Rock Band tocando Bohemian Rhapsody. Idolatramos o moleque até ele nos contar que no Acre não tem McDonalds, então começamos a fazer piadas com ele. De praxe.

Foi aí que nós tiramos a foto do início do post. E eu lhes pergunto: O que há de errado com essa foto?

.

.

.

.

.

.

FREDDIE MERCURY COPIAVA MEU BIGODE

Anúncios

29 Responses to “Dio Salve a La Reina”


  1. 1 anna 18/11/2010 às 10:57 pm

    hm, primeira a ler ? vamos ver

  2. 2 isabela 18/11/2010 às 11:01 pm

    AI MEU DEUS HDSUDHAUDHAUDHUADHUADHUADHAUDHAUDH chorei aqui
    casa de show vazia é o fim mesmo

  3. 3 Flavia Martins 18/11/2010 às 11:01 pm

    Se voc~e não desse a resposta no final, eu diria: ALMEIDA SORRINDO!

  4. 4 @CamiLikesJam 18/11/2010 às 11:02 pm

    Acho que ele pegar um publico tao ruim assim foi castigo por roubar o teu bigode hein Meids -nau ou talvez só seja porque ele é argentino :B

  5. 5 Flavia Martins 18/11/2010 às 11:02 pm

    E esse ~Você~ falho aí, heim,

  6. 6 Flavia Martins 18/11/2010 às 11:02 pm

    DOIS COMENTPARIOS COM ERROS. Ok, fim.

  7. 7 Flavia Martins 18/11/2010 às 11:03 pm

    CHEGA DE COMENTAR, EU ERREI DE NOVO. KKKKKKKKKKKK

  8. 8 @himynameisdri 18/11/2010 às 11:09 pm

    Claro, claro..

  9. 9 dudaamorim 18/11/2010 às 11:10 pm

    Sabia que o problema era o bigode, notei desde o princípio rá.

  10. 10 @cupcakedevodka 18/11/2010 às 11:10 pm

    Almeida animador de show. Taí uma cena difícil de imaginar.

  11. 11 @yellowduende 18/11/2010 às 11:12 pm

    ri hectares

  12. 12 @ericaiscoollike 18/11/2010 às 11:14 pm

    AA VÁ, QUE PODREE, NÃO É POSSIVEL OUVIR AS MÚSICAS DO QUEEN SEM BATER PALMINHAS E CANTAR ALTO JUNTO POXAAA

  13. 13 Caio 19/11/2010 às 12:39 am

    Hey Almeida,
    Quando vc volta do show do Paul McCartney? dia 23 ou dia 24?
    Se voltar dia 24 por favor pelo menos responde isso ou manda um e-mail avisando que vai voltar dia 24, caso voce volte dia 24 é bem provavel que nos encontremos no aeroporto, estarei no Rio esse dia e queria tirar uma foto e pedir um autografo(aquelas coisas de fã) para o meu escritor preferido (caso vc não se importe)

  14. 14 Almeida 19/11/2010 às 3:29 pm

    Volto dia 23 de busão, mano. 😛

  15. 15 @_atchim 19/11/2010 às 8:39 pm

    Sabia que o problema era o bigode, notei desde o princípio rá. +1

  16. 16 E.L.D 20/11/2010 às 5:32 pm

    Que isso!!Pista com mesa ñ é uma pista!

  17. 17 Iara 20/11/2010 às 10:09 pm

    tensooooooooooo.. acho bem da próxima vez levar um cartaz e tacar na cabeça do gordo que reclamar…

  18. 18 fmattosa 21/11/2010 às 12:36 am

    AHSHAHSHSH morri morri morri mil vezes com o lance do bigode.
    é foda esse público desmotivado drogas, parecem que estão tudo mortos, cara também acho ridiculo ir pra show e não se animar, chega a ser falta de respeito com os idiotas que estão ali em pé cantando..
    Hm, almeida, tú vai pro Rock in Rio?

  19. 19 fmattosa 21/11/2010 às 12:38 am

    Ah esqueci do detalhe mais importante:
    HATE ARGENTINOS u_u ah.. brasileirando para os uncéfalos:
    ODEIO ESSAS MERDINHAS DE ARGENTINOS rum*

  20. 20 @liliioiq 21/11/2010 às 2:47 am

    HSUSHSUHSUHSUh eu não ia adivinhar que era o bigode ai u-u””
    que coisa tensa, tipo, casa de SHOW sem ninguem curtir o som e ainda mandar calar a bok o___o’
    tipo … ;S’
    Almeida é maior que o irmão O:’ q

  21. 21 Pikena 22/11/2010 às 4:12 pm

    Como é possível tocarem We Will Rock You e ninguem batucar NADA? … deve fazer parte do mesmo mundo alternativo da banda emo que toca rock bom (Black Veil Brides) …

  22. 22 Nathy-Chan 22/11/2010 às 5:58 pm

    legal…
    maano… que show mais broxante =/
    cara, show do restart é melhor (se a gente botar cordas vocais de homem de verdade e mandar eles cantarem uma música de verdade, é claro), nada contra quem goste, acreditem, eu já gostei em uma época colorida da minha vida…
    enfiim, bom post, =*
    xaau

  23. 23 @Alice_Jac 23/11/2010 às 5:01 pm

    Freddie Mercury copiava seu bigode? É mesmo, tá igualzinho UASHDFAS.FVAK,FÇASFÃSHFAUSFH.
    Cara, não sei se eu aguentaria um show desses, pq eu ia surtar MUITO, sério mesmo. Esse público foi uma merda u-u

  24. 24 Dey 23/11/2010 às 5:33 pm

    Queen é simplesmente empolgante, show assim não rola mesmo y-y

  25. 25 @usernameidiota 23/11/2010 às 7:33 pm

    Odeio de coração pessoas não não se animam em show!
    Tipo que porra, ela esta pagando a porra do show e/ou se deslocou da casa para ir. E fica com aquela cara de bunda, não grita, não canta e não chama o vocalista de gostoso ;O Tipo de pessoas que merecem morrer x-x

    Amei a postagem *–* Adoro quando tu conta dos seus rolês de show e festas!
    Aguardo uma postagem do Paul 😉

  26. 26 anaab 29/11/2010 às 12:13 am

    nossa , que fail D:
    pelo menos vocês tentaram e conseguiram animar umas 10 pessoas , hihi *-*

    euri , fred com certeza roubou o seu bigode 😦
    :*

  27. 27 @MELANCIALOK 06/12/2010 às 7:42 pm

    A placa, né. Sou esperta…….

  28. 28 Mirielle 17/12/2010 às 2:21 am

    Eu prefiro quando vc fala das suas situações cotidianas do que quando vc fala de acontecimentos cotidianos que não fazem parte da sua vida. Ou fazem. AAAH, deu pra entender né? Bom, não vou fechar meu comentario com um clichê, mas vc já sabe o que eu achei do post né? 😀

  29. 29 Mirielle 17/12/2010 às 2:24 am

    AH, ja ia me esquecendo: Você é alto.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Atualmente:

Música: Canção da Noite
Banda: Fresno
Livro: Sherlock Holmes
Série:
How I Met Your Mother

Destaques

Um rolê em Madureira: 918 e 919 nunca tiveram uma diferença tão grande na minha vida. Essa diferença somado com a insano desejo do destino de me foder, causou uma peripécia de tremer as cuecas.

Ensino Médio deturpando sonhos:

Apesar do Ensino Médio ser repleto de conhecimentos babacas os quais nunca terão a menor utilidade em nossas vidas, ele pode desmentir algumas informações as quais fizeram você acreditar ser verdade por toda sua vida.

Adão era digno de respeito: Além de não precisar usar cuecas e dar a primeira bimbada da história, Adão ainda não precisa viver momentos constrangedores pelo fato de existir outras pessoas no mundo. Porque falamos tanto de Jesus tendo um herói bíblico desses?



Para ler mais dos textos menos piores do blog, clique aqui.

RSS Twitter

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Gostou de um texto?

Mande para o Uêba

Ou pro LinkLog

Ou pro Ocioso.

  • 655,908 visitas

%d blogueiros gostam disto: