Shoppings, doenças e um trovão tropical no cinema.

Era manhã de sexta. Titio geek acordou 5 horas da matina pra soltar os bofe pela boca e descobrir que aquela lingüiça super apimentada que a mãe dele o obrigara a comer no dia anterior fez mal ao seu rim/pâncreas/estômago/corpo num geral e estava dando sinais de que queria voltar a ver a luz do sol.

Apesar do meu estado, fui induzido (obrigado) a ir pra escola assim mesmo. Eu sabia que ia dar merda, mas tinha duas provas naquele dia, e cada uma sairia 20 reais caso eu as perdesse. Assim que cheguei na escola senti o primeiro aviso dizendo “vai pro banheiro, porra”. Ignorei-o, já que o banheiro tava fechado.

Durante a oração veio o segundo aviso “Vai pro banheiro, isso é uma ordem, porra”, mas o banheiro AINDA estava fechado e eu não poderia sair na oração.

Quando deu o terceiro aviso, saí correndo da sala, foda-se a professora, foda-se o hino, foda-se a escola, eu queria soltar os bofe e se não abrissem o banheiro seria no chão do corredor mesmo.

Só sei que eu voltei pra casa antes de acabar o primeiro tempo. Dormi, dormi, dormi e dormi mais um pouco.

Eu tive um sonho MUITO bizarro. Eu sonhei que tava morando com minha mãe numa casa bem calminha de uma velhinha que me dava bala todo dia quando eu tinha 5 ANOS. Daí eu entrava em casa e ligava a tv, colocava na globo e tava passando Tv Globinho. Gantz, na tv globinho. GANTZ. Armas, mulheres e cabeças explodindo … na tv globinho.

Acordo às 11:40 com o sinal da escola tocando e penso, muito humildemente devo acrescentar “haha, otários, estudaram enquanto eu dormia”.

Entro no msn, marco shopping com a nathie e fico o resto da tarde vagabundiando.

Sabem quando vocês ficam ansiosos pra uma coisa, dai dormem mais cedo e ficam torcendo pra acordar o mais tarde possível pra que essa coisa chegue logo, mas o teu corpo filho da puta te acorda às 8:00 da matina só pra tu ficar na aflição?

Poisé, eu vivi isso.

E puta que pariu, como isso é horrível.

Tu sonha com aquilo, dai tu olha no relógio achando que já são umas 3 da tarde, e vê que ainda são 8 da matina. Tu volta pra cama, mas não consegue dormir. Dai tenta entrar no pc, mas teu irmão tá usando. Liga a tv. Sério, é sempre assim ou é só comigo? Não tem porra nenhuma passando, filmes sobre porcos falantes e bebês dançantes. Tu liga no multishow tá passando um programa com uma loira feia falando o quão cansada ela está da vida que com certeza é melhor que a minha, dai tu põe na Warner e vê que de 10 anos de friends e incontáveis temporadas, O EPISÓDIO QUE TÁ PASSANDO É REPETIDO.

Quando dá 10 horas, acompanha seus pais e seu irmão no shopping para ver o celular deles, o laptop dele e outras coisas dele. Depois, vai almoçar, mas sem a menor fome pede o mesmo prato de anos – sério, desde sempre eu como Parmegiana bovina – e empurra-o sem muito prazer.

Ok, agora são 13:00, faltam mais 3 horas até o shopping.

Volto pra casa, fico 15 minutos vagabundeado no msn e muuuito tempo deitado, olhando pro teto.

Vou pro shopping. Finalmente, porra.

Me perdi no shopping. Sério, nunca vi shopping mais estranho.

O troço é um mundo. UM MUNDO.

Usei a lógica básica “se o cinema não tá no primeiro andar, tá no último, oras.”. E tava certo.

Esperei o Raphael maltratar o pobre do pump.

Cara, quando ele pulava naquela porra eu achava que ia quebrar – se quebrasse, eu ia sair correndo. O troço tremia, gemia, pedia ajuda a deus, e ele lá pulando que nem um mongo.

Chega a nathie.

A menina pula em cima de mim. Eu vuei.

Ela é magrela, mas a gravidade não tava muito do meu lado naquele momento, e dois magrelos em choque = dois magrelos voando.

Chega a amiga dela. Eu, que sou baixinho pra porra sou maior que ela. Sério, ela tem um corpo que … ulálá, mas cara, ela é muito baixinha.

Todos nós jogamos coisas e rimos do Raphael destruindo o pump. Fomos, então, esperar a nathie comprar roupas pro seu aniversário, e fizemos o interrogatório básico para a menina:

– Gosta de ler?

– Não.

– Não lê nadinha?

– Só o que sou obrigada. Livros da escola.

– Hmm… Escuta que tipo de música?

– Stronda.

Ok, Raphael, essa fica por tua conta.

Stronda, cara? Que decepção, colega.

Mas ainda assim, foi triste quando ela foi embora. Aparentemente a mãe dela não tava afim de deixar ela lá, e mandou a menina ir embora. Não me pergunte os detalhes.

Dois meninos e uma menina. Sabem o que significa?

Raphael segurando vela. Olha que lindura.

Tínhamos duas opções de filme: Caçadores de Dragões e Trovão Tropical.

Escolhemos Trovão Tropical, claro.

E não, eu não vou fazer uma resenha sobre esse filme.

Digamos que eu realmente não sei NADA do filme. Só me lembro de duas cenas, Ben Stiller quase se comendo com Robert Downey Jr. logo na primeira cena e Ben Stiller cuspindo na cara do japinha. De resto amigos, nadinha. Só soube que o Jack Black e o Tom Cruise participavam de noite, quando a namorida me disse.

Raphael sabe tirar a atenção de alguém num cinema. E estuprar uma menina. Tadinha da nathie, ele judiou da coitada no sentido mais podre da palavra.

Então, o que aconteceu no cinema vai ser censurado porque meu blog é um blog de família, pessoas de deus o lêem e … tô com preguiça de descrever tudo. Muito porque vocês não gostariam de saber, né?

né?

Depois do filme fomos de novo acompanhar a idolatrada nathie em busca de roupas para seu aniversário. Enquanto ela provava os mais bizonhos vestidos possíveis, eu e Raphael batíamos um papo bem interessante sobre faculdade de direito com o avô de menina. Homem culto e bem vivido, devo dizer.

“eu e Raphael”, não. Só o Raphael. Porque sério, não vejo a menor graça em discutir isso. O menino a cada semana quer fazer algo diferente, e eu num quero fazer nada.

Meu corpo é meio doido. Às vezes eu sinto fome o dia inteiro, e às vezes eu posso passar o dia sem comer que não sinto falta. Hoje era um desses dias, e eu percebi isso justamente enquanto o avô da nathie me oferecia pizza.

Bem nessa hora o celular toca, são meus pais dizendo que acabou e que eu vou para casa, escrever sobre meu dia num blog e aproveitar até a madrugada no pc, já que meu irmão não tá em casa.

E cá estou eu, sem fome e falando com a nathie no msn. Que beleza.

Anúncios

5 Responses to “Shoppings, doenças e um trovão tropical no cinema.”


  1. 1 Ana 07/09/2008 às 4:52 am

    EURI MUITO DO SEU DIA DSKAPOKPODSKOAPSD ADORO NHA Q

  2. 2 João Vitor 07/09/2008 às 3:19 pm

    Detalhes, me conte detalhes ò_ó

    PS: Spore instalando e eu, como sempre, sem o que fazer 😀

  3. 3 Almeida 07/09/2008 às 3:20 pm

    Há, sifudel.

    Nem conto detalhes, rs.

  4. 4 Matheus Alonso 08/09/2008 às 4:11 pm

    Trovão Tropical não é dos melhores apesar do elenco, então era melhor bater um papo com as femeas e ver o Raphael segurar a vela.

  5. 5 Almeida 10/09/2008 às 11:12 pm

    @Alonso

    Pô cara, os únicos segundos que eu passei de olhos abertos, eu esbocei uns sorrisinhos, viu?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Atualmente:

Música: Canção da Noite
Banda: Fresno
Livro: Sherlock Holmes
Série:
How I Met Your Mother

Destaques

Um rolê em Madureira: 918 e 919 nunca tiveram uma diferença tão grande na minha vida. Essa diferença somado com a insano desejo do destino de me foder, causou uma peripécia de tremer as cuecas.

Ensino Médio deturpando sonhos:

Apesar do Ensino Médio ser repleto de conhecimentos babacas os quais nunca terão a menor utilidade em nossas vidas, ele pode desmentir algumas informações as quais fizeram você acreditar ser verdade por toda sua vida.

Adão era digno de respeito: Além de não precisar usar cuecas e dar a primeira bimbada da história, Adão ainda não precisa viver momentos constrangedores pelo fato de existir outras pessoas no mundo. Porque falamos tanto de Jesus tendo um herói bíblico desses?



Para ler mais dos textos menos piores do blog, clique aqui.

RSS Twitter

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Gostou de um texto?

Mande para o Uêba

Ou pro LinkLog

Ou pro Ocioso.

  • 655,257 visitas

%d blogueiros gostam disto: